" property="og:description" /> FISIOGlobal - Saúde Integral
04 Jul. 2019

Notícias

Maria João Caçador, Hugo Cruz e Gabriel Lages convidados a palestrar pela comissão organizadora das Jornadas do Piaget

No passado mês de Junho, os Fisioterapeutas da FISIOGlobal, Maria João Caçador, Hugo Cruz e Gabriel Lages, aceitaram o convite de palestrar nas IV Jornadas de Fisioterapia do Instituto Piaget, em Vila Nova de Gaia, no evento cujo mote era o desenvolvimento da criança “Da barriga à Mochila”. 

Claro está que a mãe, como elemento fundamental que gera vida e passa pelo processo de parto, não poderia ficar sem destaque pelo que foi este o tema defendido pela Fisioterapeuta Maria João, na sua palestra sobre Fisioterapia no Pós-Parto, cuja importância passa pela gestão dos sinais e sintomas inflamatórios num pós-parto imediato (primeira semana) como consequência de alguma eventual lesão obstétrica, mas também num pós-parto mais tardio com a normalização da correta dinâmica miccional, defecatória, sexual ou reprodutiva assim como correta funcionalidade do complexo abdomino-lombo-pélvico, onde abordou em particular a disfunção mais frequente após a gravidez: a diástase abdominal. 

O Fisioterapeuta Hugo Cruz trouxe ao debate várias reflexões interessantes do ponto de vista da avaliação pediátrica assim como estratégias lúdicas assentes nas mais recentes teorias do desenvolvimento sensório-motor da criança, para abordar em contexto de prática clínica e de indicações domiciliares pois os pais constituem uma ferramenta-chave e imprescindível no sucesso do crescimento e desenvolvimento sustentado de uma criança e, como tal, devem ser inseridos no processo terapêutico. 

A Fisioterapia pediátrica está indicada para bebés que apresentem alguma disfunção evidente, como o torcicolo congénito, a plagiocefalia, lesão neurológica, entre outras, mas também em bebés sem disfunção ou patologia diagnosticada, no sentido de potenciar o desenvolvimento motor de forma ótima, com os estímulos corretos, para que as nossas crianças sejam mais adaptadas ao contexto, mais ágeis, mais fortes, mais capazes e mais saudáveis. 

A primeira infância é uma fase de excelência para a vinculação da tríade bebé-mãe-pai, importante para o resto da vida, e através do brincar é possível integrar funções e competências motoras ótimas e criar momentos ricos em estímulos para a família. 

O Fisioterapeuta Gabriel Lages, evidenciou o papel do Fisioterapeuta, através de um Workshop sobre “Reeducação Postural em Crianças com Escoliose”.